Seguro auto popular

Publicado por Jeniffer Elaina da Silva

Nos dias de hoje e, principalmente, pessoas que vivem em cidades grandes não podem ficar sem seguro de carro, não é mesmo? Mas, infelizmente, não são todas as pessoas que podem colocar em seu orçamento esse tipo serviço. Pensando nisso, vamos falar um pouco sobre o seguro auto popular.

Atualmente, circulam cerca de 60 milhões de veículos no Brasil, mas apenas 17,5 milhões estão segurados, podemos dizer que apenas 30% da frota tem um seguro para o seu automóvel.

Nunca ouviu falar desse tipo de serviço? Ele foi criado em 2016, mas ainda não é oferecido por todas as seguradoras e pode chegar até 30% mais barato do que o valor normal. Isso não quer dizer que qualquer pessoa pode fazer o seguro auto popular.

As seguradoras estão limitando os tipos de veículos e os anos de fabricação. Se pegarmos a Azul, por exemplo, só será possível utilizar os serviços, caso tenha um veículo com 5 anos ou mais de uso e que seja avaliado no máximo em R$60 mil.

Para ter uma ideia na diferença dos valores, se pegarmos um Volkswagen Gol 1.0 2011, por exemplo, o seguro convencional ficaria em R$ 5.142,00 enquanto o novo Auto Popular, a apólice cairia para R$ 3.118,00, ou seja, um desconto de 40%.

Mas não pense que é só o preço que conta no momento de fazer o seguro e, por isso, é importante ficar atento às limitações do seguro auto popular.

Um ponto bem legal de mostrar a diferença, caso aconteça qualquer tipo de problema, você terá receberá apenas de 80 a 90% do valor de acordo com a Tabela Fipe de volta. Já o seguro convencional, garante a devolução chega a ser de 110%.

Se compararmos a assistência, o cliente do plano popular tem guincho que pode rodar até 100 km, contra 400 km do convencional.

Ainda utilizando a Azul como exemplo, quando o assunto é danos a terceiros, temos um limite menor também, de R$ 25.000, já a proteção comum tem como teto o valor de R$ 50.000.

Diferente dos seguros tradicionais, no “popular”, em caso de acidentes, é permitido fazer o conserto com peças usadas ou recondicionadas, vindas de empresas de desmontagem credenciadas, conforme a lei 12.977, que regulamentou os desmanches de veículos em todo o país em 2014.


Tag:

Categorizados em: