Seu seguro tem carro reserva? Veja como funciona

Publiado por - Marcos Chaves 17 January 2016

Se o seu plano de seguro de automóvel envolve a utilização de um carro reserva, significa que você não ficará a pé quando seu carro der problema. Veja os aspectos mais importantes desse serviço e evite transtornos na hora de pedir o carro de reserva!

O carro reserva é um dos principais serviços oferecidos por um seguro auto de confiança. Esse serviço permite que o cliente possa dirigir um outro carro, fornecido pela seguradora, caso o automóvel principal seja furtado, roubado ou esteja sob uma manutenção prolongada.

Neste artigo, você irá entender como funciona a solicitação de um veículo reserva do seguro auto, e obterá informações importantes que poderão evitar transtornos futuros quando você precisar desse serviço.

Quando eu posso usar o carro reserva do seguro?

Antes de qualquer coisa, é fundamental descobrir se o seu seguro de automóvel inclui o serviço de carro de reserva. Apesar de essa ser uma cobertura presente na maioria dos seguros, ela não é “automática” e precisa ser contratada pelo cliente.

Se a sua apólice realmente contém o serviço de um veículo reserva, então o seu direito de utilizá-lo existe. Entretanto, é preciso atentar para o fato de que o carro reserva só poderá ser “invocado” em situações específicas, como:

  • Quando o carro principal for furtado ou roubado;
  • Quando o carro principal estiver em manutenção ou reparo;
  • Quando o carro principal for irremediavelmente danificado (perda total).

É importante solucionar suas dúvidas com o seu corretor sobre o serviço desse tipo de vantagem, pois outras limitações podem ser impostas.

Limitações ao carro reserva no seguro auto

É sempre bom saber quais são as limitações que as seguradoras geralmente impõem ao serviço de carro reserva do seguro. Muitas pessoas não solucionam suas dúvidas e acabam achando que podem escolher qualquer carro e andar por ele por qualquer tempo.

Os dois principais aspectos do carro reserva de seguro que você precisa saber são os seguintes:

  1. A seguradora pode impor um limite de dias: geralmente, o tempo máximo para rodar com o carro reserva do seguro varia entre 7 a 15 dias, apesar de alguns pacotes de serviços não estipularem esse tipo de limite. Atente para o fato de que, naturalmente, quanto maior o prazo, maior o preço do seguro.
  1. O modelo do carro reserva: na maioria dos serviços, o carro reserva padrão é um modelo popular e básico – e quando falamos básico, é básico mesmo, geralmente sem ar-condicionado, direção hidráulica e todos esses “luxos”. Isso pode ser negociado com a seguradora, mas atente para o aumento no preço.