Saiba os impostos que você paga na hora de comprar um carro zero

Publiado por - Marcos Chaves 18 January 2015

O momento da compra de um carro 0 km sempre é importante para qualquer um, uma vez que se trata de um grande investimento e da realização de um sonho de consumo. Justamente por isso é que existe a preocupação em contratar um bom seguro auto para proteger o novo veículo de qualquer tipo de imprevisto.

O que muitos compradores não sabem é que a carga tributária brasileira sobre automóveis é pesadíssima, o que aumenta consideravelmente o preço final do carro 0 km. Isso faz com que o preço de um carro no Brasil seja um dos mais caros do mundo, mesmo com uma infinidade de montadoras operando em solo brasileiro.

Conheça os impostos que incidem sobre o preço final do carro 0km

  • ICMS – Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços: não possui destinação específica e sua alíquota varia de estado para estado.
  • IPI – Imposto sobre Produtos Industrializados: alíquota de 2% para motores 1.0, de 8% para motores mais potentes e de 38% para importados. Também não possui destinação específica.
  • COFINS – Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social: taxa de 7,6% sobre o preço final, com destinação ao financiamento do INSS.
  • PIS – Programa de Integração Social: taxa de 1,65%, destinado ao financiamento do programa.
  • IPVA – Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores: alíquota varia de estado para estado.
  • Licenciamento: trata-se de uma taxa federal controlada pelo DETRAN, variando entre R$ 50 e R$ 100.
  • DPVAT – seguro obrigatório: taxa de R$ 101,56.

Mas qual o objetivo de tanta tributação?

O objetivo da cobrança de qualquer imposto é financiar os serviços públicos e subsidiar o desenvolvimento do país. A principal causa de indignação dos brasileiros, entretanto, é que a pesada carga tributária não é corretamente aplicada nos serviços básicos de saúde, educação e segurança, por exemplo.

Estudo realizado pelo Instituto ASSAF constatou que a carga tributária por habitante brasileiro cresceu incríveis 277,3% entre 2000 a 2013, ao passo que o Produto Interno Bruto do país cresceu 273,3%. Isso significa que, embora o brasileiro pague cada vez mais impostos, o Brasil não cresce no mesmo ritmo.

Entenda o impacto dos impostos no preço do automóvel no Brasil

Fica mais fácil de se entender o impacto dessa carga tributária no preço do seu carro ao comparar o preço de um veículo importado no exterior e no Brasil. O cenário levou a revista americana Forbes a taxar a situação de “ridícula”.

Isso porque, a título de comparação, um Jeep Grand Cherokee, que no Brasil custa mais de 80 mil dólares, custa “míseros” 28.000 dólares nos Estados Unidos. Ou seja: com o preço que se paga aqui, é possível adquirir quase três veículos desse modelo no exterior.

Modelos como o Toyota Corolla e o Honda Civic, que no exterior são considerados carros populares, em território brasileiro são acessíveis apenas para uma pequena parcela da população, já que seus preços ultrapassam a casa dos 60 mil reais. Um outro exemplo enfático é o Chevrolet Camaro, que custa menos de 40 mil dólares nos Estados Unidos – e incríveis 200 mil reais no Brasil.

Independente do modelo escolhido e dos impostos sobre o preço, é fundamental contratar um bom seguro auto para proteger o seu investimento. O SegurodeAutomovel.org fornece todas as ferramentas para você realizar uma cotação e contratar o serviço que melhor se adequa ao seu perfil sem sair do conforto do seu lar! Faça já uma cotação de seguro auto e proteja o seu carro!